Orçamento: CLIQUE AQUI
Televendas: (11) 3358-8000

110V e 220V, entenda a diferença e não tenha prejuízo

JMC Elétrica - Material Elétrico > Uncategorized  > 110V e 220V, entenda a diferença e não tenha prejuízo
110-e-220V

110V e 220V, entenda a diferença e não tenha prejuízo

Você sabe qual a diferença entre 110V e 220V? Compra os produtos de maneira adequada? Toma os cuidados necessários, principalmente ao realizar uma reforma nas instalações elétricas? São diversas as perguntas e, acredite, mais frequentes do que você imagina. Tire suas dúvidas e confira mitos e verdades sobre este assunto na nossa matéria.

 

Qual a diferença entre 110V e 220V?

Aposto que todo mundo já teve essa dúvida, certo? Afinal, quem nunca se frustrou com um eletrônico queimando na voltagem errada ou notando que o aparelho leva muito mais tempo para carregar? Há também aquelas situações em que uma furadeira parece girar muito mais devagar, o que pode ser bem desanimador. Bom, no fim das contas, a diferença é simples: instalações elétricas.

Em outras palavras, uma instalação de 220V possui fios de transporte de energia mais finos que uma de 110V, que percorrem por toda residência. Irônico, não é mesmo?

110v_220v

110V e 220V, quem economiza mais?

Nem pense em fazer uma reforma em suas instalações elétricas apenas para economizar energia. Acredite, quase não há diferença no consumo entre eles, e, ainda assim, é um dos erros mais comuns.

Podemos dizer que, teoricamente, o 220V consome menos, pelo fato de utilizar correntes menores. O grande ponto aqui é que a diferença é tão mínima que acaba sendo imperceptível a economia gerada, mas, caso queira economizar alguns centavos na fatura de energia, fique à vontade.

Tenha em mente que o consumo de energia é dado por Kwh, assim como consta nas contas de luz. Podemos dizer, então, que o fator principal para definir a conta no fim do mês é o tempo que cada aparelho fica ligado, consumindo energia. Lembre-se, é possível calcular a conta de luz de maneira simples, utilizando papel e caneta, calculadora e até mesmo alguns recursos online.

economia_de_energia

Choques e apagões! Qual é mais seguro?

Se você é mais desastrado, tome cuidado: choques de 220V são duas vezes mais fortes que os de 110V. Ainda assim, não se preocupe tanto, apenas tome mais cuidado. Procure utilizar os cabos certos em suas instalações elétricas e evite aparelhos com fios desencapados.

Quanto a apagões, pode variar bastante. A grande maioria, como os apagões gerais, não é influenciada pelas instalações, sendo ambas igualadas nesse quesito. Porém, quando o apagão está relacionado ao excesso de energia na rede, o 220V fica um pouco à frente por conta do uso de correntes menores.

Dica extra: tome mais cuidado com crianças. Independentemente da instalação, choques podem ser extremamente prejudiciais. Deixe-as longe das áreas de risco e evite acidentes elétricos.

110V e 220V

Aparelhos bivolt: o que são e como funcionam?

Já ficou com medo de colocar seu celular para carregar em uma tomada 220V por medo de queimar? Bom, talvez você não precise ter essa preocupação, afinal, hoje a grande maioria dos celulares são fabricados para suportar ambas as cargas quando carregados.

Aparelhos bivolt são basicamente como os celulares, ou seja, funcionam em ambas as cargas, muitas vezes possuindo algum botão para alternar. Assim, estes aparelhos funcionam em diferentes tensões, sem sofrer danos posteriores. Incrível, não?

Hoje, são, sem sombra de dúvida, os aparelhos mais recomendáveis a se adquirir, visto que eliminam a possibilidade de queima acidental e funcionam em qualquer lugar (em casos de viagem por exemplo), dando-lhe total liberdade de utilizar seus aparelhos como quiser.

110V e 220V

Mitos e Verdades – 110V e 220V

Ligar aparelhos na voltagem errada pode queimar o aparelho: Verdade
Aparelhos de 110V quando ligados em 220V podem queimar com muita facilidade. O contrário também pode acontecer, mas a probabilidade é menor. Ainda assim, aparelhos 220V ligados a 110V terão sua potência drasticamente diminuída (podendo muitas vezes não funcionar).

 

Aparelhos bivolt carregam mais rápido em 220V: Verdade
Pode fazer o teste, ao colocar o aparelho em 220V, é bem provável que carregue bem mais rápido do que em 110V. Algumas residências possuem ambos os tipos de cargas, o que facilita fazer a experiência.

 

Tomadas 220V podem viciar a bateria de celulares: Mito
Há quem prefira carregar seus celulares apenas em 110V, com medo da bateria viciar, mas não se preocupe, isso não passa de um mito. Os celulares já possuem mecanismos adequados para suportar as cargas que recebem e convertem da maneira correta.

 

Instalações 220V são mais seguras: Verdade
Apesar de termos mencionado os danos do choque anteriormente, a instalação 220V em si é mais segura do que a de 110V. Isso se deve ao fato de suas correntes serem mais altas, logo, a instalação utiliza fios mais finos, reduzindo perdas e proporcionando assim mais segurança.

 

É necessário mudar a instalação de 110V para 220V: Mito
Mito completo. Como dito na matéria, cada instalação tem seus pontos fortes e fracos, além de em determinadas regiões predominar o 220V e em outras o 110V. O aconselhável é utilizar aparelhos e cabos adequados, para evitar descargas elétricas, possíveis choques e perda de eletrônicos.

110V e 220V

Dica bônus: Não se esqueça, na hora de escolher sua lâmpada, que a lâmpada de LED é bivolt! A escolha vale a pena, confira nossas opções!

Após nossa matéria, esperamos que tenha entendido as diferenças entre as cargas e veja qual se adequa melhor a você. Desejamos-lhe uma boa sorte!